Dev 2 – Matando Savoss

Eu estou desenvolvendo e pensando Savoss há mais de dois anos, mas nunca o livro avançou tanto quanto agora.

O mais interessante disso tudo, é que Savoss não cresceu nesse período, mas avançou. Com isso, quero dizer que finalizamos a etapa mais árdua de desenvolvimento: Nós matamos nossos amados textos.

Sim, porque depois da primeira revisão da Retropunk, uma série de questionamentos foram levantados, e até mesmo Clint Black (Savage Worlds Core Rules Brand Manager) nos deu umas dicas, explicando os porquês de game design de Savage Worlds.

Matar nosso texto também envolveu segurar a enxurrada de ideias bacanas, simplificar tudo o que fosse possível e se perguntar, a cada regra, se aquilo realmente precisava estar no livro.

É bem difícil, e no início você quer matar todo mundo que chega perto das suas páginas. Porém, é extremamente necessário e vantajoso.

Não sei se já leu isso em algum lugar, mas a primeira vez que você escreve algo, geralmente é um texto tão cru e horrível que nem mesmo seus parentes te elogiarão.

E foi por isso que lemos e relemos nosso texto a ponto de não aguentar mais.

O resultado foi um livro com regras sucintas e um cenário mais plausível, simples e (esperamos) atraente.

Existe um Savage Cast que inclui nós, falando sobre Savoss. Muita coisa mudou daquilo que falamos na época, porém o cenário conserva bastante do que apresentamos lá.

Você ouvir ele aqui: Nós, falando de Savoss em 2016

Adoraríamos voltar a falar com vocês senhores savagecasters (pisca pisca, seduz, pisca, pisca).

Ideario Savoss

Outra coisa que nos ocupou esse tempo todo foi imaginar como as coisas funcionam. Porque não basta você escrever regras, é preciso imaginar como acontece.

O que acontece quando um estilhaço encontra e aceita um indivíduo? Como os metalquimistas forjam as armas essenciais? Como as essências são coletadas?

Eu sei que nunca falamos de nada disso aqui, e acho que em nenhum lugar, mas chegou a hora de abrir o jogo.

Devagar. rs.

Parte de imaginar também envolveu as cidades e as paisagens, então para não deixar esse post vazio, dou a vocês uma das nossas imagens do livro.

Gostou?

Essa é original, mas você pode ver um pouco muita coisa que nos inspirou esse tempo todo.

Basta visitar Pinterest de Savoss!

Como sempre, se passou por aqui e ficou curioso, sinta-se à vontade para perguntar qualquer coisa.

Quem sabe nós possamos responder.

=O

2 Comments

    1. E ai Rafael, o livro está “pronto” e está em estágio de avaliação/revisão. Isso quer dizer que podemos abrir o Financiamento Coletivo dele ainda este ano.
      Porém, quando sair, o livro precisa estar afinado e ter qualidade, então apesar de ansiosos vamos nos certificar de ter tudo em ordem para fazer jus à qualidade que Savage Worlds merece.

      É possível que eu possa liberar mais notícias no futuro. Estou torcendo com você.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *